Beleza Roubada


me descobrindo...
me revelando...








OdetedePaula




29/02/2012

                 a vida é uma série de recomeços sempre em nome da felicidade.
                 Há dias ainda mais felizes que outros
                 Carpe Diem!

     Tu ne quaesieris, scire nefas, quem mihi, quem tibi
     finem di dederint, Leuconoe, nec Babylonios
     temptaris numeros. ut melius, quidquid erit, pati.
     seu pluris hiemes seu tribuit Iuppiter ultimam,
     quae nunc oppositis debilitat pumicibus mare
     Tyrrhenum: sapias, vina liques et spatio brevi
     spem longam reseces. dum loquimur, fugerit invida
     aetas: carpe diem quam minimum credula postero.



Poème
                                         Um bom poema é aquele que nos dá a impressão
                                        de que está lendo a gente ... e não a gente a ele!

                                        Mário Quintana

22/02/2012







...Um dia descobrimos que beijar uma pessoa para esquecer outra, é bobagem. 
Você não só não esquece a outra pessoa como pensa muito mais nela... 
Um dia nós percebemos que as mulheres têm instinto "caçador" e fazem qualquer homem sofrer ... 
Um dia descobrimos que se apaixonar é inevitável... 
Um dia percebemos que as melhores provas de amor são as mais simples... 
Um dia percebemos que o comum não nos atrai...
Um dia saberemos que ser classificado como "bonzinho" não é bom... 
Um dia perceberemos que a pessoa que nunca te liga é a que mais pensa em você... 
Um dia saberemos a importância da frase: "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas..." 
Um dia percebemos que somos muito importante para alguém, mas não damos valor a isso... 
Um dia percebemos como aquele amigo faz falta, mas ai já é tarde demais... 
Enfim... 
Um dia descobrimos que apesar de viver quase um século esse tempo todo não é suficiente para realizarmos 
todos os nossos sonhos, para beijarmos todas as bocas que nos atraem, para dizer o que tem de ser dito... 
O jeito é: ou nos conformamos com a falta de algumas coisas na nossa vida ou lutamos para realizar todas 
as nossas loucuras...
Quem não compreende um olhar tampouco compreenderá uma longa explicação.
Mário Quintana

Uma gota de chuva
Ficou presa pelo fio
Faiscando a luz do sol
Até se evaporar


Tive pena daquela gota pequena
Que por alguns instantes
Brilhou mais
Que o mais puro brilhante
Para em seguida se apagar...


Quanta gente existe no mundo
Que alardeia virtudes
Que são como gotas de chuva
De efêmero brilhar


Quantas coisas sonhamos
Um dia poder realizar
Porém,como as gotas de chuva
Os sonhos se desfazem
Ao despertar...


(autor desconhecido)

18/02/2012


A vida nos presenteia com música.
A coreografia é com a gente.
- Lígia Guerra -






Andando pelas ruas..
eu vejo as pessoas..
que olham para frente..
olham para baixo..
olham para si..
apenas para si..
Não olham para o lado..
não olham para o outro..
enchergam apenas a si..
Mas não é isso que eu quero..
Por isso olho para o lado..
e vejo as flores..
a paisagem..
a cada dia há algo novo..
eu quero ver além..
eu quero ver o outro..
eu quero ver você..
eu quero ver a vida!"
Priscilla Aguiar







                                           Suave despertar.......

    
                                          "...então que seja doce.
Repito todas as manhãs, 
ao abrir as janelas 
para deixar entrar o sol 
ou o cinza dos dias, 
bem assim: que seja doce."
Caio F. Abreu
AS BORBOLETAS

Brancas 
Azuis
Amarelas
E pretas
Brincam
Na luz
As belas
Borboletas

Borboletas brancas
São alegres e francas.

Borboletas azuis
Gostam muito de luz.

As amarelinhas
São tão bonitinhas!

E as pretas, então . . .
Oh, que escuridão!

(Vinícius de Moraes) 










14/02/2012

"É o valor que você dá a sua rosa que faz ela tão especial..."

 



Tú és responsável pela rosa!


Então a raposa apareceu.
- "Bom dia", disse a raposa.
- "Bom dia", o Pequeno Príncipe respondeu educadamente. "Quem é você? Você é tão bonita de se olhar."
- "Eu sou uma raposa", disse a raposa.
- "Venha brincar comigo", propôs o Pequeno Príncipe. "Eu estou tão triste."
- "Eu não posso brincar com você", a raposa disse. "Eu não estou cativada."
- "O que significa isso - cativar?"
- "É uma coisa que as pessoas freqüentemente negligenciam", disse a raposa. "Significa estabelecer laços." "Sim", disse a raposa. "Para mim você é apenas um menininho e eu não tenho necessidade de você. E você por sua vez, não tem nenhuma necessidade de mim. Para você eu não sou nada mais do que uma raposa, mas sem você me cativar então nós precisaremos um do outro".A raposa olhou fixamente para o Pequeno Príncipe durante muito tempo e disse:- "Por favor cativa-me."
- "O que eu devo fazer para cativar você?", perguntou o Pequeno Príncipe.
- "Você deve ser muito paciente", disse a raposa. "Primeiro você vai sentar a uma pequena distância de mim e não vai dizer nada. Palavras são as fontes de desentendimento. Mas você se sentará um pouco mais perto de mim todo dia."
No dia seguinte o principezinho voltou.
- "Teria sido melhor voltares à mesma hora", disse a raposa. "Se tu vens por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz. Quanto mais a hora for chegando, mais me sentirei feliz. Às quatro horas, então, estarei inquieta e agitada: descobrirei o preço da felicidade! Mas se tu vens por exemplo a qualquer momento, nunca saberei a hora de preparar o coração... É preciso ritos".
Então o Pequeno Príncipe cativou a raposa e depois chegou a hora da partida dele.
- "Oh!", disse a raposa. "Eu vou chorar".
- "A culpa é sua", disse o Pequeno Príncipe, "mas você mesma quis que eu a cativasse".
- "Adeus", disse o Pequeno Príncipe.
- "Adeus", disse a raposa. "E agora eu vou contar a você um segredo: nós só podemos ver perfeitamente com o coração; o que é essencial é invisível aos olhos. Os homens têm esquecido esta verdade. Mas você não deve esquecê-la. Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa."
“Se alguém ama uma flor da qual só existe um exemplar em milhões de estrelas, isso basta para que seja feliz quando a contempla." ( Antoine de Saint-Exupéry)



11/02/2012


Para viajar basta existir.
Fernando Pessoa

A lua ...... 
encantadora dos sonhos eternos e fantasias ... 








As minhas experiências na vida, tristes ou felizes...
Passam feito nuvens e eu jamais me confundo com elas.
Eu sei que não sou nuvem...
Tenho certeza de que sou céu.
- Lígia Guerra -







"No entardecer dos dias de Verão, às vezes, 
Ainda que não haja brisa nenhuma, parece 
Que passa, um momento, uma leve brisa
Mas as árvores permanecem imóveis 
Em todas as folhas das suas folhas 
E os nossos sentidos tiveram uma ilusão, 
Tiveram a ilusão do que lhes agradaria... 
Ah, os sentidos, os doentes que vêem e ouvem!
Fôssemos nós como devíamos ser 
E não haveria em nós necessidade de ilusão 
Bastar-nos-ia sentir com clareza e vida 
E nem repararmos para que há sentidos ... "
Fernando Pessoa



“O propósito da vida é o amadurecimento da alma”

Le but de la vie c’est la maturation de l’ame’

"The purpose of life is the maturing of the soul" 
- Robert Byrne -

Eu já pensei seriamente nisso,
Mas nunca me levei realmente a sério.
É que tem mais chão nos meus olhos
do que cansaço nas minhas pernas...
Mais esperança nos meus passos
do que tristeza nos meus ombros...
Mais estrada no meu coração
do que medo na minha cabeça.
- Cora Coralina -





Quero tudo novo de novo. 
Quero não sentir medo. 
Quero me entregar mais, me jogar mais, amar mais. 
Viajar até cansar. 
Quero sair pelo mundo. 
Quero fins de semana de praia. 
Aproveitar os amigos e abraçá-los mais. 
Quero ver mais filmes, ler mais. 
Sair mais. 
Quero não me atrasar tanto, nem me preocupar tanto. 
Quero morar sozinha, quero ter momentos de paz. Sorrir mais, chorar menos e ajudar mais. 
Quero ser feliz, quero sossego. 
Quero me olhar mais. 
Tomar mais sol e mais banho de chuva. 
Preciso me concentrar mais, delirar mais. 
Não quero esperar mais. 
Quero fazer mais, suar mais, cantar mais e mais. 
Quero conhecer mais pessoas. 
Quero olhar para frente. 
Quero pedir menos desculpas, sentir menos culpa. 
Quero mais chão, pouco vão e mais bolinhas de sabão. 
Quero ousar mais. 
Experimentar mais. 
Quero menos ”mas”. 
Quero não sentir tanta saudade. 
Quero mais e tudo o mais. 
E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha.
Fernando Pessoa.




Rendo-me
ao poder do olhar
compreendo
vácuos
folhas de papel em branco
carregadas de inspiração
“Não há palavras para tudo”. (Sílvia Mello)









Hoje, 
quando acordei, 
o meu quintal estava cheio de luz, 
de sol de calor, 
de verão!

08/02/2012

sonhei
sorri
acordei
constatei,
que lua linda ao amanhecer!
Às 06:00 da manhã uma bela lua iluminava a minha rua,
o bairro,
a cidade,
o país,
o continente,
o planete.
Simplesmente MÁGICO!

http://www.youtube.com/watch?v=esaZSgfs_fE

06/02/2012




Concede-me, Senhor, a graça de ser boa,
De ser o coração singelo que perdoa,
A solícita mão que espalha, sem medidas,
Estrelas pela noite escura de outras vidas
E tira d’alma alheia o espinho que magoa.
Helena Kolody.

<a href="http://www.goear.com/listen/e202fab/mondscheinsonata-sonata-ao-luar-ludwig-van-beethoven" rel="nofollow">www.goear.com/listen/e202fab/mondscheinsonata-sonata-ao-l...</a>

01/02/2012

A vida mais doce é não pensar em nada.
Friedrich Nietzsche